h1

Coraline

fevereiro 17, 2009

Coraline

Neil Gaiman é O cara! Sou um fã incondicional do escritor, e procuro ler tudo o que ele lança (The Graveyard Book, seu mais recente livro, já está devidamente encomendado). Junte isso ao diretor Henry Selick (de Estranho Mundo de Jack), e você tem Coraline, a história de uma garota que, após se mudar para o campo – e ficar entediada – descobre um mundo novo atrás de uma porta, em que tudo parece ser como o real, só que muito mais interessante!

Depois de um tempo visitando sua Outra-Mãe, comendo café-da-manhã no jantar e vendo seu Outro-Pai montar um jardim com sua cara (em uma cena que lembra muito o Estranho Mundo de Jack – só que mais colorido…), ela descobre que pode ficar nesse mundo para sempre, desde que costure botões no lugar de seus olhos…

Coraline é um excelente livro-para-crianças-que-adultos-também-deveriam-ler, e o filme segue o mesmo caminho (se bem que, tirando pais, tios e avós, eu provavelmente era a pessoa mais velha da sala). E tem mais um detalhe: o filme foi todo filmado em 3D (diferentemente dos outros filmes, em que o 3D é inserido depois)! Apesar de não ser como nos parques da Disney, em que as imagens chegam perto da sua cara (o que leva àquelas propagandas ridículas de crianças tentando pegar o personagem que sai da tela…), é muito interessante a noção de profundidade que se tem durante todo o filme.

Nota:

10/10

10/10

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: